The Big Series abre temporada 2023 com apresentação na sexta à noite

Se apresentam na noite de sexta-feira (28/04) a Big Band Jerimum Jazz, o grupo Os Cinco Batutas e a Big Band Jovem.

A Big Band Jerimum Jazz

A Big band Jerimum Jazz é um grupo permanente da UFRN que este ano completa 23 anos de atividades ininterruptas. Em sua longa trajetória tem se apresentado para as mais diversificadas plateias em Natal e em outras cidades da nossa região. O projeto através de suas propostas oferece uma prática instrumental aos alunos envolvidos, que abrange desde a música internacional até a música brasileira com seus mais variados gêneros musicais. O grupo tem como um dos principais objetivo realizar concertos de cunho artístico e também didático, nos quais, apresenta ao público importantes personagens da história da música popular, bem como músicas que se tornaram conhecidas através do som das big bands. Ao longo desses anos, a Jerimum Jazz tem se apresentado em importantes eventos como a Glomus (Global Music Network), e tem acompanhado artistas como o trompetista americano Adan Rapa e o trompista russo Arkady Schikloper; e os brasileiros, Fabinho Costa (trompetista), François de Lima (trombonista), e o guitarrista Nelson Faria, entre outros.

Os 5 Batutas

Nascido como Anderson Pessoa Hot Five, o quinteto foi formado para um show no Food and Jazz, festival de música e gastronomia de Natal. O nome original é uma referência ao primeiro grupo formado por Louis Armstrong para gravações, na década de 1920. Numa referência brasileira, Batutas, que eram 8,  foi a banda formada por Pixinguinha em 1919.

O quinteto, formado por Anderson Pessoa (sax e Flauta), Thiago Silveira (trompete), Bruno De Lira (guitarra), Mário “Primata” Cavalcanti (baixo) e Cléber Campos (bateria), tem como objetivo pesquisar repertórios de épocas ou artistas criando apresentações temáticas tais como a feita no Food and Jazz, centrada nos movimentos de jazz e blues dos primórdios do jazz, ou artistas como o recém falecido Wayne Shorter, John Coltrane em suas variadas fases, como Hot Five, e como Os 5 Batutas, explorar movimentos de jazz brasileiros como o Beco Das Garrafas, a Bossa Nova ou artistas como Hermeto Pascoal e Victor Assis Brasil. Para a apresentação no Big Series, dia 28 de abril, o grupo escolheu a atmosfera do Beco das Garrafas, no Rio de Janeiro da década de 60, onde, sob a influência do jazz, nasceu o samba jazz. O Beco das Garrafas era o destino para os artistas terminarem a noite depois dos seus trabalhos em gafieiras e bandas de bailes, trabalhos que não davam liberdade para o músico improvisar. Neste contexto, artistas como, Dom Salvador, JT Meirelles, Edison Machado, Sergio Mendes, Raul de Souza, Dom Um Romão, entre tantos outros, criaram e desenvolveram o samba jazz. No Concerto, obras de JT Meirelles, um dos artistas mais expressivos do movimento. 

Big Series – 28 de Abril de 2023

Big Band Jovem da EMUFRN:

  1. Fame – Michael Gore/Dean Pitchford
  2. Suite Georgia Brown = Kenneth Casey/Maceo Pinkard Arr. Sammy Nestico
  3. Meet The Flinstones – w. Hanna/J. Barbera. Arr. Dave Bardhun
  4. Chega de Saudade – Tom Jobim/Vinícius de Moraes, Arr. Maestro Duda
  5. Vem Morena – Luis Gonzaga/Zé Dantas. Arr. Willames Costa

Big Band Jerimum Jazz:

  1. Blue Rondó á la Turk  – Dave Brubeck Arr. Kris Berg
  2. The Chicken –  Alfred James Ellis. Arr. Kris Berg
  3. Libertango  Astor Piazzola. Arr. Michael Philip Mossman
  4. Incompatibilidade de Gênios – João Bosco/ Aldir Blanc. Arr. Nelson Faria
  5. Nilopolitano – Dominguinhos – Arr. João da Banda
  6. Sucessos do Caboclo – Autores variados – Arr. Maestro Chiquito.

Leave a Reply